Quinta, 16 de agosto de 2018
Anuncie com a gente, Contato: 82 9 8139-0717

27º

Min 18º Max 30º

Parcialmente nublado

Olho D'Agua Das Flores - AL

às 10:34
Brasil

10/08/2018 ás 09h11 - atualizada em 10/08/2018 ás 09h15

6

Silvanio Rocha/DRT Registro Profissional 1448

Poço das Trincheiras / AL

Namorada de Dudu Hollanda nega ter sido vítima de crimes praticados por prefeito
Por meio de sua assessoria de Comunicação, o parlamentar manteve as acusações contra o prefeito, destacou que fez o que tinha que ser feito e agora irá aguardar o pronunciamento dos órgãos de segurança.
Namorada de Dudu Hollanda nega ter sido vítima de crimes praticados por prefeito

O procurador-geral de Justiça, Alfredo Gaspar de Mendonça, confirmou ao CadaMinuto, na noite desta quinta-feira (09), que Meiry Emmanuella de Oliveira, namorada do deputado estadual Dudu Hollanda (PSD), negou ter sido vítima dos crimes que o parlamentar atribuiu ao ex-marido dela, o prefeito de Maribondo, Leopoldo Pedrosa.  


Mais cedo, em entrevista ao portal Diário do Poder, o chefe do Ministério Público Estadual (MP/AL) já havia revelado que, em conversa reservada com ele, Emmanuella negou ter sido vítima de sequestro ou outro tipo de violência. Ela também não quis passar por exames.


Por meio de sua assessoria de Comunicação, o parlamentar manteve as acusações contra o prefeito, destacou que fez o que tinha que ser feito e agora irá aguardar o pronunciamento dos órgãos de segurança.


Dudu Hollanda afirmou ainda ter tomado conhecimento da conversa que Emmanuella teve no MP por meio da imprensa e disse desconhecer as razões pelas quais ela negou, ao procurador-geral, ter sido vítima dos crimes.


Ontem, após a repercussão das postagens e áudios que circularam nas redes sociais, onde Hollanda acusou o gestor de Maribondo de sequestrar e agredir a própria ex-mulher, o secretário de Segurança Pública de Alagoas, coronel Lima Júnior, determinou ao delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Cerqueira, a instauração de um inquérito para apurar as denúncias.


Em contato com a assessoria de Comunicação da SSP, a reportagem  foi informado que o secretário ainda não havia sido procurado pelo parlamentar, mas tomou conhecimento das informações e determinou a apuração das denúncias, que envolvem ainda supostas ameaças de morte contra Hollanda.


A reportagem não conseguiu contato com o prefeito. Em entrevista ao jornal Tribuna Independente, Leopoldo disse que não comentaria as acusações e acionaria o deputado na Justiça. 


Da Redação, com Agências

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium