Acessos
Sexta, 19 de outubro de 2018
82 9 8139-0717 Anuncie seu produto ou serviço com a gente

33º

Min 21º Max 35º

Parcialmente nublado

Carneiros - AL

às 13:19
Economia

09/09/2018 ás 17h36 - atualizada em 09/09/2018 ás 17h41

39

Silvanio Rocha/DRT Registro Profissional 1448

Poço das Trincheiras / AL

Conta de luz continua com bandeira tarifária mais cara em setembro
O custo é de R$ 5 a cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos
Conta de luz continua com bandeira tarifária mais cara em setembro

A bandeira tarifária da energia elétrica acionada para este mês de setembro vai ser vermelha patamar 2, e os brasileiros deverão pagar R$ 5 a cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos.


De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica, a Aneel, a bandeira continua nesse patamar em razão das condições hidrológicas ainda desfavoráveis e pela redução no nível de armazenamento dos principais reservatórios do Sistema Interligado Nacional (SIN). Afirmação que o especialista em energia Renato Queiroz contesta.


“O que é importante dizer para todos é que vai continuar, a conta de luz mais alta. Ah, o armazenamento da energia dos reservatórios não são suficientes, esta é a explicação. Não chover, a culpa é da chuva. Não! Mas por quê? Todo ano isso. Por quê? Se as usinas estão poucas, se as usinas não estão conseguindo armazenar, então tem que botar mais usinas, poderia ter uma questão dessa.”


Bom, mas enquanto esse cenário não muda, o brasileiro precisa tomar algumas medidas para tentar economizar. Seja em um banho mais curto, na hora de passar a roupa, passando uma grande quantidade de uma só vez, apagando a luz quando sai do local onde você não vai mais ficar.


A estudante Isabela dos Santos Lourenço, de 20 anos, que mora no Distrito Federal, também toma alguns cuidados para economizar.


“Quando eu vou, por exemplo, passar o final de semana fora, eu deixo as coisas fora da tomada. Quando eu estou em casa eu só uso a luz do ambiente em que eu estou, deixo todas as outras apagadas; além de tomar banho rápido também, por conta do chuveiro elétrico e tudo mais. Estas são as principais medidas que eu uso para economizar energia.”


Além dessas dicas que a Isabela deu, também é possível economizar de outras formas. Não deixando portas e janelas abertas em ambientes com ar-condicionado. Só deixar a porta da geladeira aberta o tempo que for necessário e nunca colocar alimentos quentes dentro da geladeira, entre outras.


Se você quiser ter acesso a outras dicas de economia, acesse aneel.gov.br.


Da Redação, com Cintia Moreira / Agência do Rádio

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium